Não só de belas praias é formado o Brasil, o país tropical também tem muita cultura e um rico acervo histórico! Tanto que o Comitê do Patrimônio Mundial da Organização das Nações Unidas (Unesco) reconheceu isso em 1980, quando concedeu o título de patrimônio mundial ao Centro Histórico de Ouro Preto, em Minas Gerais. Foi o primeiro dos 13 Patrimônios Culturais da Humanidade que ficam no Brasil.

O objetivo da Unesco com o reconhecimento é preservar a história, a identidade e a cultura do país. Minas Gerais é o estado com a maior quantidade de honrarias, ao todo são quatro patrimônios.

Listamos os 13 Patrimônios Culturais da Humanidade para você arrumar as malas e conhecer essas preciosidades de perto. Já imaginou explorar todos eles?

1 – Centro Histórico de Ouro Preto, Minas Gerais

Patrimônios Culturais da Humanidade: Ouro Preto

Igreja de São Francisco de Assis, em Ouro Preto | Foto: Banco de imagens

Foi o primeiro que recebeu o título entre os outros 12 Patrimônios Culturais da Humanidade no Brasil. Ouro Preto foi o palco inaugural da corrida do ouro nos anos áureos da mineração no país, no século XVIII, e da Inconfidência Mineira. É em Ouro Preto que está a maior concentração de esculturas barrocas de Aleijadinho, o maior artista do Brasil colonial. As igrejas, pontes e chafarizes históricas estão preservadas como testemunhos de seu passado de prosperidade.

2 – Centro Histórico de Olinda, Pernambuco

Patrimônios Culturais da Humanidade: Olinda, Pernambuco

Casinhas coloridas do Centro Histórico de Olinda | Foto: Banco de imagens

Construída em 1535 pelos portugueses, Olinda ganhou destaque nacional no período de exploração de açúcar. Suas ruelas, repletas de casinhas com fachadas coloridas encantam os viajantes. Jardins, 20 igrejas barrocas, conventos e inúmeras capelas também contribuem para o charme particular de Olinda. Os turistas lotam a cidade no carnaval, mas planejar uma viagem em períodos menos festivos pode ser uma boa oportunidade para economizar e aproveitar mais tudo que a história da cidade pode nos contar.

3 – Ruínas de São Miguel das Missões, Rio Grande do Sul

Patrimônios Culturais da Humanidade: Ruínas de São Miguel

Ruínas de São Miguel das Missões | Foto: Banco de imagens

É um dos menos conhecidos entre os Patrimônios Culturais da Humanidade no Brasil. Por isso, pode ser um bom destino para aqueles que gostam de viajar para lugares pouco explorados, mas ainda assim com uma beleza e história sem igual. As Ruínas de São Miguel da Missões ficam quase na fronteira do Rio Grande do Sul com a Argentina e são heranças deixadas pelas missões jesuítas, no século 17. As ruínas impressionam e revelam capítulos da história do território que antes era habitado pelos índios guaranis.

4 – Centro Histórico de Salvador, Bahia

Patrimônios Culturais da Humanidade: Centro Histórico de Salvador

Centro Histórico de Salvador | Foto: Banco de imagens

Os prédios coloridos do centro histórico da primeira capital do Brasil foram tomadas como Patrimônio Cultural da Humanidade em 1985. O Pelourinho, famoso ponto turístico da cidade, preserva importantes traços da arquitetura portuguesa. O centro da cidade é formado basicamente por construções dos séculos XVI e XIX.

5 – Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, Minas Gerais

Patrimônios Culturais da Humanidade: Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos

Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas do Campo | Foto: Banco de imagens

O Santuário, situado em Congonhas do Campo, foi ratificado em 1985 como um dos Patrimônios Culturais da Humanidade. A edificação foi erguida na segunda metade do século XVIII e conta com um interior inspirado no estilo rococó italiano. O local abriga sete capelas, que representam a Via Crucis, e uma escadaria externa, decorada com estátuas dos 12 profetas da igreja católica. As estátuas foram feitas em pedra-sabão pelo artista Aleijadinho.

Leia também:

5 cidades históricas para conhecer de ônibus
Lugares para visitar no Rio de Janeiro: um tour pelas cidades históricas
Tour de graça: 6 cidades do Brasil para fazer passeios sem gastar

6 – Brasília, Distrito Federal

Patrimônios Culturais da Humanidade: Brasília

Congresso Nacional, em Brasília | Foto: Banco de imagens

A construção de Brasília foi um marco na história do planejamento urbano. Em 1956, a capital foi criada no centro do país por nada menos que o urbanista Lúcio Costa e o arquiteto Oscar Niemeyer. A dupla pretendia que cada elemento dos edifícios oficiais estivessem em harmonia com o design geral da cidade. O resultado são construções inovadoras, criativas e cheias de curvas, característica do trabalho de Niemeyer.

Powered by Rock Convert

7 – Parque Nacional Serra da Capivara, Piauí

Patrimônios Culturais da Humanidade: Parque Nacional Serra da Capivara

Parque Nacional Serra da Capivara, no Piauí | Foto: Banco de imagens

É na cidade de São Raimundo Nonato que fica o Parque Nacional Serra da Capivara, também integrante da lista da Unesco de Patrimônios Culturais da Humanidade. É lá que se encontra o maior número de sítios arqueológicos descobertos no Brasil, em meio a um conjunto de chapadas e vales. Os sítios revelam pinturas e gravuras rupestres, além de outros importantes vestígios do modo de vida pré-histórico.

8 – Centro Histórico de São Luís, Maranhão

Patrimônios Culturais da Humanidade: Centro Histórico de São Luís

Centro Histórico de São Luís

A capital maranhense foi fundada pelos franceses e ocupada pelos holandeses antes do domínio português. São Luís preserva boa parte de seu planejamento original, com um conjunto arquitetônico excepcional, apesar de alguns edifícios terem sofrido com as degradações do tempo e de vandalismo. As mais belas ruas do centro histórico estão próximas do mercado municipal da cidade.

9 – Centro Histórico de Diamantina, Minas Gerais

Igreja de São Francisco de Assis, em Diamantina - MG

Igreja de São Francisco de Assis, em Diamantina – MG | Foto: Banco de imagens

A cidade mineira está entre os Patrimônios Culturais da Humanidade desde 1999. Diamantina foi construída no século 18 e, hoje, é considerada uma das cidades históricas mais peculiares do Brasil. Isso porque a cidade foi edificada em montanhas rochosas que estavam repletas de diamantes, o que, na época, atraiu a atenção de garimpeiros. A cidade conserva suas construções com afinco em um centro histórico charmoso, que convida o viajante para uma longa e prazerosa caminhada.

10 – Centro Histórico da Cidade de Goiás, Goiás

Patrimônios Culturais da Humanidade: Centro Histórico de Goiás

Centro Histórico de Goiás | Foto: Banco de imagens

Em 2001, mais um centro histórico entrou para a lista da Unesco. A Cidade de Goiás ou Velho Goiás, como era conhecida, testemunhou a ocupação e colonização do Brasil no centro-oeste ao longo dos séculos XVIII e XIX. Apesar de não ser muito citado na história, o município foi a primeira capital do estado goiano, graças a farta quantidade de ouro que ali existia. Entre ruelas, casarões coloniais e igrejas barrocas, você poderá mergulhar em uma rica e fascinante história sobre o cerrado brasileiro e seus personagens.

11 – Praça de São Francisco, Sergipe

Patrimônios Culturais da Humanidade: Praça São Francisco, em São Cristóvão

Praça São Francisco, em São Cristóvão | Foto: Banco de imagens

Localizada na cidade de São Cristóvão, a praça entrou para a lista de Patrimônios Culturais da Humanidade em 2010. O motivo? O local reúne um conjunto de importantes monumentos a céu aberto. A praça é cercada por antigas construções datadas dos séculos XVIII e XIX, como a Igreja e o Convento de São Francisco, a Igreja e a Santa Casa de Misericórdia, e o Palácio Provincial.

12 – Rio de Janeiro, paisagens cariocas entre a montanha e o mar

Patrimônios Culturais da Humanidade: Paisagens cariocas

Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro | Foto: Banco de imagens

Não é à toa que é conhecida mundialmente como a Cidade Maravilhosa. Em 2012, a Unesco tombou as paisagens cariocas formadas entre

o mar e as montanhas. Ou seja, quase que uma cidade inteira reconhecida como patrimônio mundial. Na lista, estão incluídos monumentos como o Pão de Açúcar, o Corcovado, a Floresta da Tijuca, o Aterro do Flamengo, o Jardim Botânico e a praia de Copacabana. Certamente um dos maiores conjuntos de monumentos entre os Patrimônios Culturais da Humanidade.

13 – Conjunto Moderno da Pampulha, Minas Gerais

Patrimônios Culturais da Humanidade: Pampulha

Conjunto Arquitetônico da Pampulha, em Belo Horizonte | Foto: Banco de imagens

A Pampulha é mais novo patrimônio mundial no Brasil! O Conjunto Arquitetônico da Pampulha foi criado em 1940, em Belo Horizonte, fruto de um projeto ambicioso do arquiteto Oscar Niemeyer e do paisagista Roberto Burle Marx, em colaboração com outros artistas, entre eles, o pintor Cândido Portinari. O Conjunto é composto por quatro edifícios, pelo espelho d’água do lago urbano artificial e pela orla trabalhada com paisagismo. O local passou a constar na lista da Unesco este ano.

Você já foi para algum desses Patrimônios Culturais da Humanidade? Conta pra gente nos comentários ou escreva para [email protected] e compartilhe com o Brasil a sua viagem!